Home
Apresentação
Quem sou
Serviços
Quem já foi
Orçamentos
Contato



CAPA2
Que tipo de mochileiro você é?

A ideia de mochilar mudou muito nos últimos anos, e muita gente foi se adaptando. Também foram se adaptando os hostels, os “cama e café” ‘s, os hotéis, restaurantes e tudo aquilo que recebe esse público.

Sim, você se considera mochileiro? Então vamos ver os tipos mais comuns atualmente, e veja em qual deles você se encaixa.

1- Mochileiro Mauricinho / Patricinha.

“A ideia de fazer um trekking é maravilhosa, vai combinar perfeitamente com aquela bota maravilhosa que comprei”. – Mesmo que a bota seja pouco funcional e poderá por vezes te encher de calos.

patricinha(Foto: Reprodução/extremos.com.br)

 

2- Mochileiro Neo-Hippie

Sim, você viaja muito! Os lugares? Geralmente aquele que ele pode vender seus artesanatos, seus trabalhos manuais. De vez em quando, uma fumaça diferente segue seus passos. Tempo indeterminado de viagem.. até onde chegar sua inspiração. Dinheiro? Sim, eu tenho um cado… e vou fazer mais até acabar essa aventura.

neo hippie(Foto: Reprodução/odia.ig.com.br)

 

3- Mochileiro Carente

Viajar sozinho é com ele mesmo. E ele curte de tudo na viagem – boates com música eletrônica, botecos, bares, praias… Não importa! O que importa é ele ir onde tenha gente e ele conheça uma galera nova. São adeptos às selfies e sempre levam um mimo de casa. Mas no geral, são super desapegados e fazem milhares de amigos no mundo inteiro.

Backpacker Walking on Trail(Foto: Reprodução/viajao.com)

4- Mochileiro Clássico

Esse é fácil! Sim.. é o mochileiro que surgiu a tempo atrás e ainda deixa herdeiros pelo mundo. Ele foge de absolutamente tudo que é turístico. Pesquisa preços de forma incansável. Pode até se modernizar um pouco –  afinal, hoje ele entra em fóruns online pra conhecer uma galera boa de dica.

Mesmo fugindo dos destinos turísticos clássicos, na última hora, sempre acaba se rendendo às atrações clássicas de qualquer turista, como a Torre Eiffel.

Ah, sim, ele já se acostumou com o peso da mochila. Nela, ele leva a casa e tudo o que você pode imaginar. O melhor, sem se atrapalhar com toda tralha – é organizado com sua bagunça.

classico(Foto: Reprodução/seumochilao.com.br)

5- Mochileiro Sabático

Sim, esses tem o privilégio de ter TEMPO, e também DINHEIRO. Esse dinheiro, muitas vezes é fruto de muita poupança para simplesmente VIAJAR. Profissionais liberais e alguns jovens com melhor condição são clássicos mochileiros sabáticos. Querem viajar de maneira criativa, econômica e frequente.

sabatico(Foto: Reprodução/immi-canada.com)

6- Mochileiro Urbano

Mochileiros urbanos conquistaram seus primeiros carimbos na viagem para Nova York, Los Angeles e Milão. Hoje, estão espalhados por toda grande metrópole asiática. Conhecer as tendências desse estilo de vida, é paixão desse mochileiro.

urban(Foto: Reprodução/seejapan.co.uk)

7- Mochileiro Montanhista

Fugir do que é muito urbano é com ele mesmo! Quer desafios e tirar fotos nos topos. Adora um trekking, mountain bike, escaladas e seus equipamentos são essenciais em sua viagem. Ele simplesmente foge dos caminhos mais fáceis. Prefere “cortar caminho” pela montanha pra chegar do lado, do que fazer tour rápido pelas estradas.

E mais? Mostram aquela foto pra você e dizem: “Você nunca tiraria essa foto indo de carro!”. E vai, confessa, eles têm razão!

Tapeats Hiker(Foto: Reprodução/arrecifehostel.com.br)

8- Mochileiro Assalariado

Viaja exatos 30 dias de férias, enquanto os outros 11 meses do ano e trabalha. E também trabalha planejando seu mega mochilão. São 30 dias de sugar o máximo que o destino tem a oferecer. Do escritório ou de casa, faz suas pesquisas, e sonha o ano inteiro com a viagem!

assalariado(Foto: Reprodução/recruiter.com)

9- Mochileiro-CVC

Tá mais para um turista bem moderno – que sabe o quanto é difícil carregar malas de rodinhas, e por isso aderiu às mochilas (muitas vezes mega caras e que as vezes nem sabe usá-las). As botas de viagem são caras, mas dá uma pena colocar elas na lama!

Esse tipo de mochileiro adora lugares que tem infraestrutura turística. E reclama quando não tem! Cozinha de hostel, tem que lavar minha louça? Como assim, não tava incluso na diária?

Não tem muita paciência para organizar a própria viagem, e acredita que seu espírito de mochileiro o levará a viver grandes aventuras inesperadas no destino. Mas quando chega lá, na verdade, ele fica meio perdido.

Nas agências de viagem, ele se encanta com os pacotes que levam os nomes “Eco”, “Adventure”, “Extreme”.

cvc(Foto: Reprodução/blog.odiariodonordeste.com.br)

 

Quer mochilar e não sabe por onde começar? Nós podemos ajudar você a planejar suas próximas aventuras! =)